top of page

Atos 1: 15-26 - A recompensa da fidelidade

Atualizado: 29 de set. de 2022

“15 Naqueles dias, levantou-se Pedro no meio dos irmãos (ora, compunha-se a assembléia de umas cento e vinte pessoas) e disse:

16 Irmãos, convinha que se cumprisse a Escritura que o Espírito Santo proferiu anteriormente por boca de Davi, acerca de Judas, que foi o guia daqueles que prenderam Jesus,

17 porque ele era contado entre nós e teve parte neste ministério.

18 (Ora, este homem adquiriu um campo com o preço da iniqüidade; e, precipitando-se, rompeu-se pelo meio, e todas as suas entranhas se derramaram;

19 e isto chegou ao conhecimento de todos os habitantes de Jerusalém, de maneira que em sua própria língua esse campo era chamado Aceldama, isto é, Campo de Sangue.)

20 Porque está escrito no Livro dos Salmos: Fique deserta a sua morada; e não haja quem nela habite; e: Tome outro o seu encargo.

21 É necessário, pois, que, dos homens que nos acompanharam todo o tempo que o Senhor Jesus andou entre nós,

22 começando no batismo de João, até ao dia em que dentre nós foi levado às alturas, um destes se torne testemunha conosco da sua ressurreição.

23 Então, propuseram dois: José, chamado Barsabás, cognominado Justo, e Matias.

24 E, orando, disseram: Tu, Senhor, que conheces o coração de todos, revela-nos qual destes dois tens escolhido

25 para preencher a vaga neste ministério e apostolado, do qual Judas se transviou, indo para o seu próprio lugar.

26 E os lançaram em sortes, vindo a sorte recair sobre Matias, sendo-lhe, então, votado lugar com os onze apóstolos.”



Vivemos hoje em um contexto de valores distorcidos que nos fazem enfrentar frustrações. Infelizmente dentro dessa realidade, a prática da fidelidade praticamente desapareceu.

A fidelidade é algo tão importante que é um fator determinante na escolha de companheiros para a jornada.

No contexto bíblico que acabamos de ler, era necessário escolher um novo apóstolo para se juntar aos onze, visto que Judas havia sido infiel e, por óbvias razões, a principal característica deste novo apóstolo deveria ser fidelidade.

A fidelidade sempre trará recompensas, sempre trará os seus benefícios e lhe tornarão alvo de coisas melhores.

Deus está em busca de homens fiéis e não importa o quanto você está em destaque, os dons que possui, talentos ou seja dotado de capacidade, o que importa para Deus é que você seja fiel.

Deus sempre recompensa e coloca em lugares mais altos aqueles que são fiéis.

Existem frutos que serão experimentados somente através da fidelidade e devemos nos esforçar por mantê-los em todas as áreas e relacionamentos de nossa vida.


1-) Deus nunca vai te colocar no muito se você não for fiel no pouco.


A palavra de Deus afirma, "aquele que é fiel no pouco também é fiel no muito”. Se você não é capaz de ser fiel naquilo que Deus tem te colocado hoje, certamente você não será no muito.

Esta é a razão porque muitos não alcançam coisas maiores. Não conseguem ser fiéis no que tem hoje. Vivem reclamando e murmurando e na primeira oportunidade que tem abandonam o caminho.


2-) A fidelidade é a base que sustenta uma jornada.


Matias não havia sido citado nas escrituras uma vez sequer antes deste texto, e não voltaria mais a ser citado depois, mas teve seu nome marcado na história como um apóstolo do Senhor Jesus.

Muitos buscam atalhos para serem reconhecidos. É por isso que nunca chegam a lugar algum. Da mesma maneira que sobem descem, pois somente a fidelidade constrói uma estrutura sólida para o lugar aonde ela te levará.

A fidelidade em meio a perseverança certamente te levará a recompensas extraordinárias.

A Bíblia diz que em Deus nosso trabalho nunca é em vão!


3-) Deus conhece o nosso coração.


Na oração os apóstolos ressaltam esta capacidade de Deus em conhecer o nosso íntimo, e é exatamente por isso que Ele sabe e valoriza a fidelidade genuína, desinteressada, que faz o que é certo por consciência pura e limpa diante dele.

Deus sabe o que você fez e abriu mão para se manter fiel a Ele. Cada sacrifício e até mesmo as lágrimas que foram derramadas por conta da sua fidelidade.

Nenhuma oportunidade desleal trará maior recompensa do que o sacrifício de se manter fiel.

Matias é o exemplo de que a fidelidade te leva a honra!


Reflexão


- A fidelidade gera recompensas, produz coisas melhores e te leva a lugares mais altos.

- Como está o nível de fidelidade e integridade em cada área da sua vida (em casa, na igreja, trabalho)?

- Como está seu nível de murmuração em relação às suas frustrações?

- Deus está olhando para o seu coração e vendo a tua fidelidade. O que Ele vê em você nesse momento?


Oração


“Senhor meu Deus, quero ser fiel a Ti a cada dia mais. Que o Senhor sempre me encontre íntegro, fiel e perseverante na sua presença. Sei que a recompensa vem do Senhor, e em Ti esperarei. Em nome de Jesus, amém”.



30 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 commentaire


Bom dia


Muito obrigado pelos devocionais, eles me edificam toda manhã.


Deus te abençoe sempre.

J'aime
bottom of page