top of page

LUCAS 5:1-11 Uma pesca salvadora

Estando Jesus à beira do lago de Genesaré, grandes multidões se apertavam em volta dele para ouvir a palavra de Deus.

Ele notou que, junto à praia, havia dois barcos vazios, deixados por pescadores que lavavam suas redes.

Entrou num dos barcos e pediu a Simão, seu dono, que o afastasse um pouco da praia. Então sentou-se no barco e dali ensinou as multidões.

Quando terminou de falar, disse a Simão: "Agora vá para onde é mais fundo e lancem as redes para pescar".

Simão respondeu: "Mestre, trabalhamos duro a noite toda e não pegamos nada. Mas, por ser o senhor quem nos pede, vou lançar as redes novamente".

Dessa vez, as redes ficaram tão cheias de peixes que começaram a se rasgar.

Então pediram ajuda aos companheiros do outro barco, e logo os dois barcos estavam tão cheios de peixes que quase afundaram.

Quando Simão Pedro se deu conta do que havia acontecido, caiu de joelhos diante de Jesus e disse: "Por favor, Senhor, afaste-se de mim, porque sou homem pecador".

Pois ele e seus companheiros ficaram espantados com a quantidade de peixes que haviam pescado,

assim como seus sócios, Tiago e João, filhos de Zebedeu. Jesus respondeu a Simão: "Não tenha medo! De agora em diante, você será pescador de gente".

E, assim que chegaram à praia, deixaram tudo e seguiram Jesus.





Este é a narrativa da chamada de um homem que vem a ser um do principais personagens no ministério de Jesus.


Jesus chega a praia, e após ensinar o evangelho do Reino, vê dois barcos e então se aproxima de um deles e ali encontra a Simão que vem a ser Pedro.


Era um momento interessante onde Jesus resolve entrar no barco de Simão convidando-o a pescar logo após este voltar de uma pescaria desastrosa.


Jesus sempre virá em meio as grandes crises da nossa vida. Ele é capaz de identificar as carências da nossa alma.


Naquele momento ele poderia ter entrado no outro barco mas resolve então entrar no barco de Simão talvez por este estar em um dia de maior carência do que os seus sócios.


Jesus entra ali no barco e então tudo muda na sua vida como em nós, no dia em que Jesus entra no barco da nossa vida a nossa história e a muda radicalmente.


A maneira como Jesus conduz a transformação de Simão é interessante. Ele pede que os afaste da praia ao lugar de uma nova pescaria. É aí que aprendemos algumas coisas importantes quando Jesus quer entrar no barco da nossa vida:


1) Jesus quer assumir o controle. Ele deseja ser o capitão do barco da nossa vida. Ele ordena que vá em um horário desfavorável ao costume de pesca onde tentariam novamente a pesca.

Quem deseja ter a sua realidade transformada precisa deixar Jesus estar no controle de sua vida.


2) Não deixe a sua frustração te paralisar, obedeça. Jesus dá a ordem a Simão para que lance a rede de um lado que ele havia determinado mas este lhe responde com o tom da sua frustração “Mestre não pescamos nada durante a noite toda mas sob tua palavra lançarei a rede”. A atitude de Simão não foi uma atitude deliberada de fé mas sim em obediência a um rabi. Obedeça a voz de Jesus mesmo que ainda lhe falte a fé e você verá a benção chegar.


3) A obediência sempre produzirá milagres. Quando Simão obedece ao comando de Jesus ele abre a porta para o milagre.

Quando obedecemos a Jesus tudo em nossa vida é transformado, vemos o milagre acontecer e os nossos olhos se abrem.


4) Jesus em nossa vida nos torna abençoados para abençoar. Quando Simão obedece, ele vê o milagre, seu barco enche e ele chama o outro barco para venha lhe ajudar. Jesus não deixa ninguém de fora, ele chama outro barco para o encher também.

A benção de Jesus em nossa vida, o seu favor em nós sempre será transbordante. Jesus traz sentido a tudo na sua vida, uma barco de pesca sem peixes não tem razão de existir mas transbordando de peixes lhe torna essencial.


5) Jesus sempre nos tratará segundo o seu amor e a sua graça. Simão, ao ver o milagre, se prostra e confessa ser pecador. Por seus pecados certamente ele não merecia nada mas Cristo por sua graça o alcança para mudar a sua história.

Um grupo de pescadores, frustrados, desiludidos e descrentes é encontrado por Jesus para por sua graça lhes restaurar a alegria, a esperança e a fé. O destino deles era talvez chegar em casa e ter que explicar mais uma vez o fato de não levarem nada, mas Jesus apareceu para que nova notícia fosse: Pescamos tudo, não trouxemos nada mas agora temos tudo em Jesus.


Eles abandonaram os barcos e as redes porque haviam descoberto uma razão maior para viver.


Jesus te vê hoje, ele quer entrar no seu barco, quer entrar na sua história para lhe dar uma nova razão para viver.


Reflexão


- Jesus já assumiu o controle da sua vida?

- Até quando a sua frustração vai te impedir de viver em obediência?

- Jesus quer te levar a viver em meio a milagres, em meio ao seu favor e bênção, você está disposto a obedecer para viver isso?

- Você está disposto a abençoar?

- Não pense que você é merecedor, mas saiba que você também é alvo da graça do Senhor Jesus.

533 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page